Documentário longo e que vale a pena!!!
Criança gosta do que lhe é ofertado e, se não tem informação ou consciência alimentar, é alvo fácil da publicidade abusiva. Além disso, vivemos uma fase difícil para os pais acerca da imposição dos limites, da demonstração do afeto e da presença física na vida de seus filhos.
A excessiva oferta alimentar foi associada à tranquilidade de acreditar que as crianças estão saciadas. Ledo engano!
Por outro lado, iniciativas saudáveis requerem tempo e a postergação do que é reforçador. Só no futuro percebemos que condutas saudáveis trazem resultados positivos. E o futuro, para os nossos pequenos, é muito distante.
Saúde se constrói com decisões diárias e comer é parte fundamental nisso!
Pensemos a respeito!

http://www.muitoalemdopeso.com.br/

Nenhum comentário: